gordura-no-figado

Gordura no fígado: aprenda a identificar a esteatose hepática

Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter
clock (1)
4 min.

O fígado é um dos órgãos responsáveis pelo armazenamento e metabolização de nutrientes, sendo indispensável para o corpo e para o sistema digestivo. Contudo, ele pode sofrer com esteatose hepática, também conhecida como acúmulo de gordura no fígado.

Além do desconforto, essa condição pode comprometer o estado de saúde do paciente, podendo acarretar em complicações graves, como casos de cirrose e até câncer. Saiba quais são as principais causas, sintomas e tratamento da gordura no fígado.

O que é a esteatose hepática?

A esteatose hepática é ocasionada quando as células do fígado começam a ser infiltradas pelos triglicerídeos (gorduras). “Com o tempo, essas placas de gordura vão se acumulando, comprometendo aos poucos o funcionamento do órgão, podendo gerar casos graves de cirrose e outra doenças”, explica o Dr. Felipe Folco.

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Hepatologia (SBH), cerca de 90% dos pacientes que apresentam casos de obesidade possuem gordura no fígado. Desse modo, a obesidade é um grande fator de risco para a evolução da doença. Além disso, a instituição estima que cerca de 30% da população sofra de esteatose hepática.

“As pessoas normalmente apresentam uma quantidade de gordura no fígado, mas quando esse índice ultrapassa 10% do órgão, o paciente pode adquirir a esteatose hepática, que, se não for tratada, pode causar danos graves à saúde”, acrescenta o médico.

Causas de gordura no fígado

O fígado com gordura é ocasionado por uma alimentação calórica aliada ao sedentarismo e ao sobrepeso. “A sobrecarga de gordura no fígado faz com que o órgão perca sua eficiência em orientar e gerir nutrientes, causando o estado de inflamação”, salienta o especialista.

Por isso, é muito comum a presença da esteatose em casos de obesidade. Quadros de diabetes, alcoolismo, inflamações crônicas no fígado e o uso de corticoides, também podem contribuir para o surgimento dessa condição. Sendo assim, é importante ficar atento aos sinais da doença.

Principais sintomas de gordura no fígado

A esteatose hepática geralmente não apresenta sinais físicos em casos leves, geralmente sendo diagnosticada por meio de exames para a gordura do fígado. Porém, em quadros mais avançados, o paciente pode apresentar alguns desconfortos.

Os principais sintomas de gordura no fígado são: dores de cabeça constantes, fadiga, dor no abdôme, cansaço, fraqueza, aumento do fígado, barriga inchada e falta de apetite. Já em condições graves pode haver hemorragias, confusão mental e icterícia.

Diagnóstico

Como inicialmente a gordura no fígado não apresenta sintomas, é necessária realizar exames de sangue, que avaliarão o número das substâncias ALT e ACT. Caso essas enzimas estejam elevadas, indicam a presença da esteatose hepática.

O ultrassom também pode ser utilizado para avaliar visualmente a presença de gorduras, classificando-as da seguinte maneira: grau leve, quando há pequeno acúmulo de gordura; grau médio, com nível moderado, e alto, com grandes quantidades de triglicerídeos no órgão.

Tratamento

Para casos leves ou moderados, não há um tratamento específico para eliminar a gordura do fígado. Porém, para a recuperação do paciente, é necessário uma mudança na alimentação e nos hábitos, de modo que o paciente consiga reduzir uma média de 7% do seu peso corporal.

Por isso, é recomendada a mudança na alimentação, evitando alimentos gordurosos, bebidas alcoólicas e outras refeições de alta porcentagem calórica. Além disso, é de extrema importância a prática de exercícios físicos para a queima de gordura, facilitando, assim, a recuperação do fígado.

A gordura no fígado é uma condição que pode acarretar em várias doenças graves. Como não há sintomas nas fases iniciais, é muito importante realizar suas consultas e exames de rotina periodicamente para se prevenir e cuidar da saúde. Para isso, conte com a ajuda da Comigo.

Aqui, você consegue agendar os seus exames de modo rápido e fácil, on-line, nas melhores instituições. Tudo por um preço justo e acessível, com o pagamento facilitado em até 10 vezes no cartão. Aproveite para cuidar da sua saúde e de quem você ama com economia e praticidade.

Texto revisado pelo Médico Felipe Folco CRM 100694

Compartilhar no facebook
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Baixe nossos
materiais exclusivos

e tenha acesso a conteúdos sobre

Baixe nossos materiais exclusivos e tenha acesso a conteúdos sobre

saúde e bem estar

Receba nossos conteúdos gratuitamente.
Toda semana enviamos diretamente na sua caixa de email dicas de saúde, bem estar e descontos.

Também detestamos spam!

POSTS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Receba nossos conteúdos gratuitamente.
Toda semana enviamos diretamente na sua caixa de email dicas de saúde, bem estar e descontos.

Também detestamos spam!

Baixe nossos
materiais exclusivos

e tenha acesso a conteúdos sobre

Baixe nossos materiais exclusivos e tenha acesso a conteúdos sobre

saúde e bem estar